Prefeitura de Itabira segue com obras de pavimentação de morros nas estradas rurais 

 427 Visualizações

As obras de pavimentação asfáltica de morros seguem em áreas rurais de Itabira. O trabalho desempenhado pela Secretaria Municipal de Obras, Transportes e Trânsito (SMOTT) visa facilitar o acesso às localidades, propiciar mais mobilidade para a população, além de reduzir os custos anuais com manutenção. Nesta nova etapa, o asfaltamento atinge 5,1 quilômetros.  

As obras se concentram em três morros na comunidade quilombola do Capoeirão; no Morro das Coelhas, na região do Ribeirão São José; e dois morros na estrada da Serra, em Ipoema, sendo que um desses morros liga o asfalto atual ao aterro sanitário. As obras tiveram início em fevereiro e têm prazo de execução de 120 dias.

Com as obras é esperado mais acessibilidade, segurança e melhoria no tráfego, principalmente em períodos de chuva, o que garante melhor qualidade de vida para os moradores da zona rural. O asfaltamento contribui ainda, para o escoamento de produtos da agricultura familiar e dos produtores de gado leiteiro. O investimento total da Prefeitura de Itabira com a primeira etapa da obra será de R$4,7 milhões, uma redução no custo total de 12,42%, já que o valor estimado era de R$ 5,4 milhões.

“Estamos dando continuidade às obras de pavimentação em diversos morros. Ao final de 2021, a SMOTT licitou este primeiro agrupamento de trechos, cujo valor orçado foi reduzido, devido ao processo de concorrência entre os interessados”, explica Maciel Paiva, secretário municipal de Obras.

Ainda segundo Maciel, a intenção da SMOTT é licitar em breve o asfaltamento em outros morros nas estradas rurais, o que prevê um alcance de mais comunidades beneficiadas com melhor locomoção e qualidade de vida. “A Secretaria pretende dar continuidade a esse programa, e já vem preparando nova licitação com mais trechos a serem pavimentados. Cabe salientar que os trechos escolhidos seguem criteriosa escolha baseada em questões técnicas, tais como tráfego de ônibus, intensidade de uso, acesso a comunidades, acesso a escolas, dentre outros”, afirma.

Portanto, a próxima etapa deve ser licitada ainda no primeiro semestre, com aproximadamente mais 6 quilômetros de asfalto nas comunidades de Santo Antônio, Tiririca, Angico, estrada de Ipoema ao Macuco e a que liga o Morro Redondo à Cachoeira Alta. “Estamos também estudando alguns trechos para aplicar o revestimento poliédrico, considerando a adequabilidade deste tipo de pavimento a alguns trechos de estradas rurais”, salientou o secretário.

Recuperação de estradas

Além das ações de asfaltamento, os trabalhos da SMOTT na zona rural também visam a recuperação das estradas afetadas pelas chuvas. Pontes, crateras abertas com as fortes chuvas que se abatem sobre o município e pontos mais críticos estão sendo atendidos pelas equipes da Secretaria e por empresas contratadas.

Localidades como Macuco, Pedros, Santa Cruz, Córrego do Meio, Tambor, Cachoeira Alta e outros já foram atendidos e, caso necessário, terão novas intervenções. A programação segue nesta semana, sempre quando há possibilidade durante os intervalos das chuvas.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.