Itabira, Política

CÂMARA – Capoeira retira de votação projeto que aumenta IPTU em Itabira

Na tarde de terça-feira (31) estava previsto a votação na Câmara Municipal do projeto de lei 88/2017, que “Altera a Lei Municipal n. 3.404/1997, que Institui o Código Tributário Municipal” e reajusta base de cálculo do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) e do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN).

Durante a reunião o vereador Ronaldo Meireles de Sena “Capoeira” (PV) pediu vista ao projeto e prorrogou a votação do aumento. Com o reajuste do IPTU, o município prevê arrecadar uma média de R$ 1,2 milhão a mais em 2018 e no ISSQN, em torno de R$ 300 mil por ano.

Ao conversar com jornalistas o vereador justificou o seu pedido. Segundo ele, alguns colegas ainda estavam em dúvida em relação ao texto, o que reforçou a sua vontade de retirar o projeto para aumentar a análise.

“Assim que o projeto foi liberado na semana passada eu tinha falado com os colegas que eu ia pedir vista, por perceber que alguns colegas tinham alguma indecisão [para votar] no projeto e eu cumpri o que eu falei”, explicou o vereador.

Ao ser questionado se ele mesmo tinha alguma dúvida em relação à matéria, o vereador disse que não e também negou qualquer articulação com o Governo para retirar o projeto da pauta.

“Na verdade eu não [tenho dúvidas], mas vi que os colegas tinham algumas dúvidas, por isso pedi. Eu não trabalho articulado a mando de governo, eu faço meu trabalho do jeito que eu acho que deve ser feito. A própria oposição começou falando que estava com dúvida o que fortaleceu meu pedido”, disse o pevista.

Com a retirada da pauta o projeto deve retornar para a reunião da próxima terça-feira (7), após o feriado prolongado.

ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificação

Send this to a friend