Nacho completa um ano de Atlético e enfrenta Flamengo buscando protagonismo

 315 Visualizações

Há um ano, o Atlético anunciava a contratação de Nacho Fernández. Estrela de um River Plate dominante na América do Sul, o argentino chegou cercado de expectativa, com a responsabilidade de qualificar o elenco que já havia feito bom Brasileirão em 2020. 365 dias depois, tratado como peça fundamental por Antonio Mohamed, ele entra em campo pela Supercopa do Brasil, contra o Flamengo, neste domingo (18), às 16h.

O meia foi peça importante do Galo no ano mais vitorioso da história do clube. Na última temporada, “El Cerebro” participou de 21 gols, balançando as redes adversárias 10 vezes e distribuindo 11 assistências aos companheiros. 

No entanto, depois do primeiro semestre dominante, Nacho terminou 2021 passando mais tempo no banco de reservas, o que aconteceu nos dois jogos finais da Copa do Brasil, por exemplo. A chegada de Diego Costa, o desgaste físico e a recuperação mais lenta após ficar afastado pela covid-19 foram alguns elementos que fizeram o armador perder o status de titular absoluto. 

A pré-temporada, pela primeira vez feita no Brasil, é uma das apostas para que o desempenho do argentino se mantenha por toda a temporada. Em mais de uma oportunidade, El Turco revelou que conta com o meia e enxerga ele atuando como um típico “camisa 10”.

Em 2022, Nacho foi titular em todas as partidas que o Atlético foi com força total no Campeonato Mineiro. Assim como em 2021, o armador se destaca pela grande movimentação e passes decisivos. Nos quatro jogos, ele distribuiu duas assistências e chega como uma esperança do torcedor alvinegro para conquistar a inédita Supercopa do Brasil, contra o Flamengo, um histórico rival.

Fonte: Rádio Itatiaia

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.