Com titulares, Atlético domina Tombense e vence a primeira no Campeonato Mineiro

 479 Visualizações

No reencontro com a torcida após a histórica temporada de 2021 , o Atlético venceu a primeira no Campeonato Mineiro. Em partida disputada na tarde deste sábado (29), no Independência, o time alvinegro bateu o Tombense por 3 a 0, com gols marcados pelo meia Calebe e pelos atacantes Hulk e Savarino.

O jogo marcou o retorno dos principais jogadores da última temporada. O técnico Antonio Mohamed escalou uma equipe próxima da mais forte que ele tem à disposição. Das estrelas do título brasileiro, apenas o argentino Matías Zaracho poderia jogar e ficou no banco de reservas, sendo acionado na segunda etapa.

Com os titulares, ficou evidente a força da equipe alvinegra, favorita ao título do Campeonato Mineiro. Desde o primeiro minuto, o Galo ditou o ritmo da partida e poderia ter construído o placar com ainda mais facilidade. Dylan Borrero e Calebe, justamente os menos badalados dentre os 11 iniciais, se destacaram com muita movimentação ofensiva. Eles, ao lado do estreante Ademir, foram os personagens da jogada do golaço marcado na primeira etapa.

O segundo tempo serviu para lembrar o torcedor que o momento ainda é considerado uma pré-temporada dentro do Atlético. Mesmo fazendo menos força e administrando o desgaste, o time alvinegro seguiu mandando na partida, ampliando o marcador já na reta final. Completando um ano de clube, Hulk sofreu e converteu uma penalidade. Já nos acréscimos, Savarino deu números finais ao confronto.

Na próxima rodada do Campeonato Mineiro, o Galo vai até o Triângulo Mineiro enfrentar o Uberlândia às 19h30 desta quarta-feira (02). A tendência é que o técnico Toni Mohamed siga rodando o elenco nas rodadas iniciais do Campeonato Mineiro. Ele espera ter a equipe pronta no dia 20 de fevereiro para enfrentar o Flamengo, pela Supercopa do Brasil.

O Tombense segue na estrada e encara a Caldense no mesmo dia, ás 20h.

O Jogo

Logo no início da partida, ficou clara a vontade do Atlético de se impor na partida jogando dentro de casa. Recheado de titulares, o time alvinegro chegava com facilidade pelo lado esquerdo. Aos cinco minutos, Guilherme Arana finalizou com perigo e quase abriu o placar no Independência.

Responsável por ditar o ritmo nos minutos iniciais, Nacho Fernández recebeu ótimo lançamento de Réver aos 12 minutos e serviu Ademir. O Fumacinha quase marcou o primeiro pelo novo clube, mas parou no goleiro Rafael Santos.

A pressão surtiu efeito e gol saiu aos 22 minutos. De forma simbólica, os três personagens do lance foram justamente as maiores novidades da escalação. Ademir começou a jogada pelo lado esquerdo e inverteu para Dylan, que devolveu para o “Fumacinha”. O ex-jogador do América finalizou mascado, mas a bola encontrou Calebe, que mandou para o fundo das redes com um toque esperto de letra.

À frente no placar, o Atlético seguiu melhor no jogo, mas sem o mesmo ímpeto. A melhor jogada na reta final foi uma bonita bicicleta do colombiano, que parou no arqueiro adversário.

Segundo tempo

O Galo voltou com a mesma formação e o domínio também seguiu do lado alvinegro, mesmo que em uma voltagem menor por conta do desgaste típico dos primeiros jogos da temporada. Aos 10 minutos, Toni Mohamed promoveu a entrada de Savarino e Zaracho, que tiveram bons momentos pelo lado direito do ataque.

As mudanças do argentino deram novo fôlego para à equipe, que criou chances com os dois estrangeiros e não sofreu na defesa. Com as modificações, Nacho Fernández atuou um pouco mais recuado, ajudando na saída de bola ao lado do volante Jair.

Faltava aparecer a maior estrela do Atlético na partida. Em jogada característica, Hulk usou toda a força física para bater o zagueiro Jordan, que precisou parar o atacante com um carrinho. Marcado o pênalti, o melhor jogador do Brasil bateu com categoria para ampliar. Já nos acréscimos, Savarino aproveitou assistência do jovem Neto para deixar o seu

Atlético x Tombense

Atlético: Everson, Mariano, Nathan Silva, Réver e Guilherme Arana; Jair, Calebe (Zaracho), Dylan (Sasha) e Nacho (Igor Rabello); Ademir (Savarino) e Hulk (Neto). Técnico: Antonio Mohamed

Tombense: Rafael Santos; David, Jordan, Roger Carvalho (Moisés) e Manoel; Alison Silva, Gustavo (Gustavo) e Jean Lucas; Keké (Mingote), Kleiton (Everton) e Daniel Amorim (Ciel). Técnico: Rafael Guanaes

Motivo: 2ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 29 de janeiro de 2022, sábado, às 16h30
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Calebe (22’1T), Hulk (34’2T) e Savarino (46’2T)
Cartões amarelos: Rodrigo (Tombense)

Árbitro: André Luiz Skettino
Auxiliares: Celso Luiz da Silva e Leonardo Henrique Pereira

Fonte: Rádio Itatiaia

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.