Vale aumenta proposta salarial em nova negociação com o Sindicato Metabase de Itabira

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 121 Visualizações

Dando continuidade às negociações do acordo coletivo do trabalho com a empresa Vale, a diretoria do Metabase Itabira, por videoconferência, discutiu com representantes da empresa as cláusulas financeiras do acordo na terceira reunião de negociação realizada na manhã desta segunda (09/11).

“Cláusulas financeiras são aquelas que abordam reajustes nos salários, no cartão alimentação e tudo aquilo que reverte em benefício financeiro para o trabalhador”, afirmou André Viana, presidente do sindicato Metabase Itabira. Inicialmente a empresa tinha oferecido 2,72% de reajuste salarial para a categoria e manutenção das cláusulas sociais, tais como plano de saúde e reembolso educacional. “A resistência do Metabase fez com que a empresa retornasse à mesa de negociação, principalmente para discutir os reajustes nos salários e no cartão alimentação.

O sindicato segue a sua linha de lutar por um reajuste salarial digno nas cláusulas econômicas.” disse André. Esta resistência deu resultado: a empresa ofereceu um reajuste salarial de 4,5% inclusive nas cláusulas econômicas (despesas com tratamento de saúde, auxílio funeral, armação de óculos etc.); reajuste no cartão alimentação, de R$760 para R$790 (média em 4%); 13° crédito extra integral, já reajustado no cartão alimentação e manutenção de todas as cláusulas já existentes. O sindicalista vê com cautela a proposta: “Reconheço que o cartão alimentação é um importante benefício para os trabalhadores, afinal, é um dos maiores em comparação a outras empresas do porte da Vale no Brasil.

O reajuste em cerca de 4% não é o que queremos, mas é um avanço que não podemos desconsiderar. O reajuste que apresentamos é 6%, a empresa propôs 4,5%, ou seja, menor 1,5% que o esperado. Se levarmos em conta outras categorias (petroleiros, bancários) ou empresas (Samarco, Acelor Mittal) que deram de 0% a 3%, o reajuste é um avanço e começa a satisfazer os anseios da categoria. A diretoria já está se reunindo e estamos “esmiuçando” a proposta. Vamos ouvir a nossa base (trabalhadores) por meios digitais e daremos prosseguimento das discussões”, concluiu o sindicalista.   

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *