Casos de Dengue em Itabira voltam a subir em novo levantamento da SMS

Desde janeiro, a Secretaria Municipal de Saúde já registrou 979 notificações de suspeitas de dengue em Itabira. Deste total, 523 casos estão confirmados, o que corresponde a 53,42% dos registros. As informações são do jornal Diário de Itabira.Este número tem subido a cada fechamento feito pelo setor de epidemiologia, realizado uma vez por semana.

No balanço mais recente, da última terça-feira (23), o bairro com maior incidência de casos confirmados da doença continuava sendo o Pedreira do Instituto, com 189 pacientes desde o início do ano, o que representa 35,73% dos confirmados.

O Gabiroba vem logo na sequência, com 52 casos, respondendo por 9,83% do total. O Bela Vista, que nas semanas anteriores era o quarto lugar, agora está em terceiro, com 34 casos, o que corresponde a 6,43% dos confirmados. A diferença para o Nova Vista é irrisória, o bairro agora tem 33 casos de dengue, com 6,24% do total, seguido pelo Santa Ruth, com 18 infectados pelo mosquito, o que representa 3,4% dos 523 confirmados.

O Juca Rosa é sexto da lista dos bairros mais atingidos pela doença, com 17 confirmações, 3,21% dos infectados. O Eldorado, com 16 casos representa 3% do total, enquanto o João XXIII chega aos 13 casos de dengue, com a marca de 2,4%. O Praia e o Major Lage fecham o ranking dos 10 bairros mais afetados pela dengue em Itabira, com 12 casos (2,27%) e 11 infectados (2%), respectivamente.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.