Polícia Civil procura traficante dono da ‘cocaína da lacoste’ apreendida em Juatuba

A Polícia Civil trabalha para descobrir quem é o traficante dono dos 25 quilos de cocaína apreendidos na noite de segunda-feira (09/03) na zona rural de Juatuba, na Grande BH. Um detalhe que chamou a atenção dos policiais do Departamento de Repressão ao Narcotráfico (Denarc) é que a droga tem o jacaré da lacoste como símbolo da pureza da droga.

Foto: Renato Rios Neto/Itatiaia

A ‘cocaína da lacoste’ estava em um laboratório de refino, com material para desdobra e dolagem da droga. Uma mulher de 28 anos foi presa no local.

O delegado Daniel Augusto dos Reis disse à Itatiaia que o esquema era investigado há três meses. “É um laboratório bem montado. Tem droga já pronta para distribuição e bastante insumo: tem uma balança, tem uma prensa hidráulica para fazer a prensagem da droga e um liquidificador”.

Conforme o delegado, os traficantes usam marcas famosas para passar a sensação de credibilidade. “Assim, além de serem identificados, eles podem vender a droga por um valor mais caro. É a famosa droga de grife”, explicou Daniel. 

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.