Barão de Cocais tem morte suspeita de H1N1

Barão de Cocais pode ter registrado a primeira morte causada por H1N1. O Diário de Barão apurou que uma moradora da comunidade Mata do Povo no distrito de Cocais, com 34 anos de idade, faleceu na noite de ontem, no Hospital Municipal Waldemar das Dores, após contrair o vírus.

A Prefeitura de Barão de Cocais não confirmou que a morte pode ter sido causada por H1N1. A doença nem é tratada como causa suspeita do óbito pela administração municipal. A Prefeitura trabalha com a hipótese de pneumonia e insuficiência respiratória e se comprometeu a dar mais detalhes do caso na segunda-feira (1º/07). Mesmo assim, agentes de saúde que atenderam a mulher, foram orientadas a se vacinarem contra H1N1.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.