Cotidiano, Minas Gerais

Bombeiros vão usar peneira vibratória para agilizar buscas em Brumadinho

O trabalho de buscas em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, que entrou no 84° dia na quinta-feira (18/04), ganhou o reforço de uma peneira vibratória que irá ajudar a vistoriar o rejeito com mais rapidez.[pro_ad_display_adzone id=”44899″ align=”right”]

Segundo o Corpo de Bombeiros, com o avanço das escavações profundas, a quantidade de rejeitos a ser inspecionada é cada vez maior, então, o equipamento, geralmente usado na construção pesada, vai ser testado nas buscas. 

Nesta fase, atuam 137 militares, divididos em 24 frentes de trabalho e que contam com 56 máquinas pesadas e um drone para auxiliar nas ações. O foco do trabalho é dar continuidade a algumas ações como a retirada de rejeitos em uma baia de manutenção, na área de uma casa e a construção de uma estrada para retirada de rejeito.

A barragem da mineradora Vale se rompeu no dia 25 de janeiro e o rejeito atingiu a área administrativa da mineradora, incluindo um refeitório e parte da comunidade da Vila Ferteco. O número de mortos na tragédia subiu para 231. A atualização foi divulgada pela Polícia Civil de Minas Gerais na noite dessa quarta-feira (17/04). O Corpo de Bombeiros continua à procura de 46 desaparecidos.

ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificação

Send this to a friend