Policiais Rodoviários realizam operação em combate aos crimes maus tratos em animais no Barreiro

A Policia Rodoviária Estadual (PRE) tem realizado operações de combate a crimes ligados a fauna silvestre e maus tratos a animais, nas rodovias que abrange a responsabilidade do Pelotão de Meio Ambiente e Transito, com sede em Itabira. Na noite deste sábado (16), Policiais Militares realizaram uma abordagem a um veiculo suspeito, em seu interior encontraram três galos índios e vários apetrechos de rinha de galos.

De acordo com as informações, os Policiais rodoviários estavam no km 20 da rodovia MG-129, próximo aos quebra-molas no bairro Barreiro, depois de já terem parado e fiscalizados vários veículos suspeitos, os Militares avistaram um veículo Astra, cor verde com placa de Itabira, se aproximando em atitude suspeita, o veículo estava sendo conduzido por José de Lourdes, 59 anos, já é conhecido pelos Policiais, no interior deste havia ainda outros dois ocupantes, Evaldo Braga, 46 anos, e Ademar Eustáquio de 73 anos, esse os rodoviários em menos de duas semanas, já havia sido abordado e com ele apreendido animais silvestres, onde na ocasião foi mais uma vez multado.

Os Militares encontraram no banco traseiro, três galos índios em sacolas, que estavam com suas esporas mutiladas, encontraram também uma bolsa contendo medicamentos, bico de aço, esporas de aço usadas quando em combate, em uma dessas havia marcas de sangue, demonstrando que a pouco tempo foi utilizada em uma briga, encontraram varias seringas, um arco de serra pequeno usado para cortar as esporas e outros materiais.

Em conversa com os Policiais os ocupantes do veículo disseram que teriam adquirido os animais na cidade de Caeté, onde um homem os teria vendido pelo valor de R$ 50,00 reais cada animal.

Os Militares acionaram a equipe de Meio Ambiente, onde os Sargentos Fernandes e Wanderson compareceram ao local e realizaram as notificações e as providencias após constatarem os maus tratos aos animais.

Os ocupantes do veiculo foram conduzidos até a sede do Pelotão de Meio Ambiente, onde seria feitas as multas necessárias de seus crimes, e prestariam maiores informações sobre o caso.

Em Minas Gerais foi sancionada em 20 de julho de 2016, a lei 22.231/16, que passa a punir com multa de até R$ 3 mil quem comete maus-tratos contra os animais no Estado. Os valores previstos na norma serão aplicados, além das sanções previstas no código penal, que podem levar à prisão aqueles que maltratarem os animais de qualquer espécie. (Asnoticiasonline.com.br)

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.