Estudantes da Unifei-Itabira revitalizam a Escola Estadual Maricas Magalhães

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 114 Visualizações

Transformar o ambiente escolar de 258 alunos da rede estadual de ensino. Essa foi a missão que a ONG Engenheiros Sem Fronteiras, formada por alunos da Unifei-Itabira, assumiu na escola Escola Estadual Profª Maricas Magalhães.

A proposta principal da iniciativa foi influenciar positivamente a percepção dos estudantes em relação aos problemas enfrentados dentro e fora da escola, além de transformar a maneira como se envolvem com a rotina escolar, como explica a atual presidente da ONG, Bruna Braga:

Os estudantes estrearam o mural dos sonhos, uma das novidades da escola após a revitalização.

“Acreditamos que o ambiente de estudo tem uma influência muito grande na percepção que os alunos têm sobre a sua instituição, afetando, inclusive, o rendimento escolar dos mesmos. Percebemos, acima de tudo, que drogas e violência fazem parte do cotidiano local, e pretendemos mostrar aos estudantes que essa não é a única realidade que eles podem conhecer, levando alegria e um pouco de esperança para essas crianças.”

A ONG firmou parcerias para oferecer serviços à comunidade local_ também voltados a elevar a auto estima dos participantes.

A revitalização promovida pelos membros da ONG trouxe novos ares aos ambientes de convivência da escola, onde se destacam a nova horta e o quadro “Mural dos sonhos”, um espaço livre para a expressão dos alunos. Além disso, foram realizadas palestras sobre vários temas, entre eles: drogas, empreendedorismo e educação financeira. Os estudantes tiveram ainda a oportunidade de conhecer o trabalho desenvolvido por equipes de competição tecnológica da Unifei.

O sucesso do projeto, iniciado em abril, foi celebrado em um evento de encerramento, realizado no último sábado (19) e aberto à comunidade local. Peças de teatro, apresentação da bateria da Unifei – a Calangodum, gincana e cuidados de beleza foram algumas das atrações da festa promovida na escola.

Bruna conta que este tipo de ação já foi realizada pelo grupo em outras instituições, como o Lar de Ozanam e a APAE, mas afirma que cada uma delas confere uma emoção única à equipe e destaca o legado que o projeto deixa aos estudantes envolvidos:

“É uma satisfação imensa saber que o pouco que fazemos pode gerar um impacto muito grande. Acho que o nosso maior legado para esses jovens é o exemplo que podemos dar. Muitos deles nem sabem que existe uma universidade gratuita na cidade (a Unifei) e que eles podem ingressar nela futuramente. Se a gente impactar uma que seja daquelas crianças e mostrar que existe um futuro melhor para ela, não só dentro da universidade, valerá a pena.”

Composta atualmente por 84 alunos da Unifei-Itabira, a ONG Engenheiros Sem Fronteiras realiza projetos sem fins lucrativos, para o desenvolvimento local e regional, a fim de promover melhorias na qualidade de vida das comunidades menos favorecidas. Caso queira contribuir ou conhecer melhor o trabalho dos estudantes, acesse a página do Facebook (https://www.facebook.com/ESFNucleoItabira/) ou entre em contato pelo e-mail  [email protected].

 

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *