ITABIRA – Adolescente é preso acusado de estuprar menor de 14 anos na linha férrea no bairro areão 

Na noite desta sexta-feira (15/07/2022) por volta de 22h55min, a Policia Militar registrou denúncia de estupro, ocorrido na Praça do Areão durante um o evento do Festival de Inverno.

De acordo com as informações os Militares compareceram ao local assim que foram acionados, a vítima de 14 anos, contou que conheceu um adolescente de 17 anos, através de um amigo, durante o evento, que trocou beijos com ele, que a convenceu a irem até a linha férrea, próxima do local, ao chegar lá o adolescente quis manter relações sexuais com ela, que mesmo ela não consentindo, ele a forçou a manter relações sexuais com ele.

A vítima disse ainda que o agressor não a deixou ir embora, segurando-a pelo braço, e acabou consumando ato sexual através da penetração, após o ato violento, ela retornou ao local do evento, e informou para uma amiga tudo que havia acontecido e que ela era virgem. Uma irmã da vítima, ao tomar conhecimento do acontecido procurou a Polícia Militar e informou o ocorrido.

Os Militares então realizaram diligências no espaço da Praça do Areão, onde conseguiram localizar o adolescente acusado do fato, onde ele contou ao Militares que realmente manteve relações sexuais com a menina, mas foi com o consentimento dela e que durante a relação sexual, ele usou preservativo.

A vítima foi encaminhada ao Pronto Socorro Municipal, onde recebeu atendimento médico. O adolescente recebeu voz de apreensão pela prática de estupro, sendo ele encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde as providencias foram tomadas.

Com Informações Atila Lemos 

LEIA MAIS

Comentários 2

  1. SIDNEIA DA ROCHA FIAUX says:

    Quem conhece esta menina sabe muito bem que não foi estupro.

  2. SIDNEIA DA ROCHA FIAUX says:

    Cadê a notícia em que a menina abre o jogo para a polícia que ela era namoradinha dele, que ela queria o ato.
    Ela só fez isso depois que as cameras da cidade mostraram ela passeando com ele após o ato. Se ela tem 14 anos e ela quis, não é estupro. Graças a Deus ele já está com a família.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.