Câmara de João Monlevade realiza lançamento do Parlamento Jovem

 277 Visualizações

Com a Casa cheia e uma grande adesão dos alunos, a Câmara Municipal de João Monlevade lançou nessa terça-feira, 29, o projeto Parlamento Jovem. O evento ocorreu no Plenário da Casa e contou com a presença dos alunos, de autoridades locais, diretores das escolas e representantes do Executivo.

Este é o 8º ano que o Legislativo participa do projeto, que está em sua 19ª edição. Mais de 40 estudantes do ensino médio estão inscritos para participar do PJ, sendo estes das escolas: Centro Educacional Roberto Porto (CERP), Manoel Loureiro, Kennedy, Luiz Prisco de Braga e Alberto Pereira Lima.

O tema a ser abordado nesta edição do projeto é “Saúde mental dos Jovens”. O Parlamento Jovem é desenvolvido e coordenado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais, através da Escola do Legislativo, em parceria com as Câmaras municipais. Neste ano, 130 cidades mineiras estão inseridas no programa. João Monlevade integra o Polo Médio Piracicaba, formado também pelos municípios: São Gonçalo do Rio Abaixo, Itabira e Dionísio.

Durante o evento, a psicóloga Lorena Guimarães ministrou uma palestra sobre o tema. Ela relatou os fatores que afetam a saúde mental, como por exemplo alterações no humor, comportamento, problemas com o sono, alimentação, raciocínio lógico e convívio social. Segundo ela, as pessoas que se identificam com mais de um destes fatores devem procurar ajuda.

Em discurso, os vereadores e as autoridades presentes parabenizaram a Casa pelo incentivo aos alunos e por promover projetos que estimulam a participação dos estudantes. Eles destacaram a importância em fomentar nos jovens o interesse pela política e disseram estar felizes em saber que muitos alunos se interessaram em participar do projeto.

O vice-prefeito Fabricio Lopes também parabenizou a iniciativa da Câmara. Ele destacou a importância da participação dos jovens nas questões políticas. “Nossa cidade é pioneira na implantação do Orçamento Participativo Escolar. Serão R$400 mil reais destinados para que os alunos possam escolher como serão investidos o recurso”.

A fala das autoridades foi endossada pelo presidente da Câmara, Gustavo Maciel. Ele destacou a alegria em saber que muitos alunos aderiram ao projeto. “No ano passado, devido a COVID-19, apenas 10 estudantes participaram. Este ano, são mais de 40. Isto nos deixa muito felizes em saber que cada vez mais os jovens estão se interessando pela política”.

Maciel lembrou que em 2021 o projeto obteve bons resultados. “Uma das propostas apresentadas pelos nossos jovens foi aprovada na Plenária Estadual do Parlamento. Isso mostra o empenho e dedicação dos alunos”. Gustavo desejou a todos um excelente trabalho almejando que boas ideias também sejam apresentadas neste período.

Os servidores da Câmara Giulia Stéfani de Paula Leite, Juliana Mara Pereira Moreira, Letícia Mafra Lima, Mark Júnior Vieira Santiago, Nilma do Carmo Vieira e Natasha Barcelos de Oliveira ficarão responsáveis pela coordenação das atividades. Os encontros ocorrerão às quintas-feiras, na parte da tarde, na sede do Legislativo.

Participaram do evento os vereadores Belmar Diniz (PT), Gustavo Prandini (PTB), Leles Pontes (PRB), Marquinho Dornelas (PDT), Rael Alves (PSDB), Thiago Titó (PDT) e Vanderlei Miranda (PL). Também estiveram presentes o assessor de Governo Gentil Bicalho, a secretária de Assistência Social Marinete Morais, representante da Secretaria de Educação Raquel Diniz, representante da Divisão da Saúde Mental, Eliana Bicalho e os diretores e representantes das escolas participantes: Marcelo Leal (Alberto Pereira Lima); Keila Flávia (Luiz Prisco de Braga), Joel dos Santos (Manoel Loureiro), Renata Porto (CERP), Cláudia Silva (Colégio Kennedy).

Sobre o Parlamento Jovem

O Parlamento Jovem tem o objetivo de despertar nos estudantes o interesse pela política além de estimular e desenvolver um senso crítico e de discussão acerca de temas importantes para a sociedade.

O Projeto é realizado em três etapas: Municipal, regional e Estadual. Durante o processo, os estudantes participam de grupos de discussão, rodas de debate, visitas técnicas, entre outras atividades, tudo voltado à orientação e formatação das propostas.

Em cada edição do Parlamento Jovem de Minas é discutido um tema de interesse da sociedade, escolhido pelos próprios estudantes. É esse tema que servirá de base aos estudantes para elaboração e aprovação das propostas que serão encaminhadas ao Poder Público.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.