Prefeitura de Itabira realiza segunda etapa do mutirão de castração de animais com mais de 200 atendimentos

 396 Visualizações

A ação realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) com o apoio da equipe de zoonoses e aconteceu no Parque de Exposições.

Com o intuito de atender uma política de saúde pública do setor de zoonoses, a Prefeitura de Itabira por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou em fevereiro mais um mutirão de castração de animais. Nesta etapa foram atendidos um total de 218 animais, sendo 108 fêmeas e 110 machos (caninos e felinos).  

Para realizar o procedimento de esterilização e chipagem de cães e gatos a SMS contou com a parceria da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU) e do Consórcio Intermunicipal Multissetorial do Médio Piracicaba (Consmepi), responsável pela licitação e contratação do Castramóvel da ONG Pets sem Fronteiras.

Os procedimentos foram realizados no Parque de Exposições Virgílio José Gazire, entre os dias 15 e 18 de fevereiro. Os tutores dos animais foram orientados quanto ao preparo no pré e pós-operatório, com a cirurgia realizada em ambiente adequado. Profissionais da empresa Pet sem Fronteiras passaram todas as orientações necessárias e estão acompanhando os animais após a cirurgia.

Os animais atendidos foram previamente selecionados pela SMS, de acordo com um cadastro realizado em 2021. Todos passaram por triagem, seguindo prioridades definida pela legislação.

De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Natália Andrade, a intenção é realizar uma nova etapa de castração em maio, com novo link que será disponibilizado para inscrição de interessados. A realização do procedimento será concretizada conforme a situação de cada animal. “Animais errantes e de ONGs são prioridade um, animais que tem acesso à rua entram na prioridade dois e depois vem os animais que convivem com outros animais no domicílio, tudo isso associado às condições socioeconômicas do tutor, ao peso do animal e condição de saúde, que define estar apto para o procedimento”, explica a superintendente.

A secretaria pretende abrir novas inscrições em abril e será amplamente divulgada. Em cada evento a proposta é realizar de 200 a 240 procedimentos. A ação segue a legislação que preconiza o controle populacional de cães e gatos, com castração e microchipagem, associado à conscientização da população para adoção e guarda responsável. Ainda neste semestre será realizada uma campanha nas escolas em parceria com a Secretaria Municipal de Educação para orientar crianças que serão multiplicadoras da ação.

“Itabira está caminhando no sentido certo da legislação. Em agosto de 2021 realizamos 273 castrações e agora nesta etapa com 218 cães e gatos atendidos. Animais abandonados nas ruas incomoda muito a população. Já que hoje não é mais indicado manter um canil público, a solução é o procedimento de castração e microchipagem para o controle populacional desses animais” acrescenta a superintendente Natália Andrade.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.