FCCDA abre vagas para oficina de danças folclóricas brasileiras a partir dessa quarta-feira

 422 Visualizações

A Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) irá abrir vagas para a oficina de danças folclóricas brasileiras do grupo Tumbaitá, a partir dessa quarta-feira (09/02).

Direcionadas a qualquer pessoa com idade a partir de 16 anos, as oficinas serão gratuitas e ocorrerão no Teatro da FCCDA, às quartas-feiras em dois horários: das 17:30h às 18:30h e entre 19h e 20h. Adolescentes com idades entre 16 e 17 anos precisam de autorização formal do responsável e deverão realizar as inscrições presencialmente no Departamento de Promoção e Produção Artística (DPPA). Já adultos com idade a partir de 18 anos poderão participar sem a realização de inscrições.

Nas oficinas ocorrerão aulas práticas e teóricas tendo como foco a cultura popular brasileira. Não é necessário ter experiência com dança. O diretor artístico do Tumbaitá, Warley Ferreira, explica que as oficinas fazem parte da série de ações em comemoração aos 25 anos do grupo. “Serão trabalhadas a teoria e a prática das danças folclóricas brasileiras. Na teoria serão apresentados documentários mostrando o contexto histórico, social e cultural das danças. Em paralelo, haverá a prática – que é o ensino das coreografias. Essas oficinas são, também, uma preparação dos integrantes para um posterior espetáculo do Tumbaitá”, explica.

Em caso de dúvidas, entre em contato através do e-mail: [email protected].

Sobre o Grupo Tumbaitá: Criado pela Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade em 1996, o grupo parafolclórico Tumbaitá busca a preservação e a difusão das manifestações culturais por meio de estudos e do desenvolvimento de coreografias para espetáculos representativos de danças e músicas tradicionais regionais.

O Tumbaitá expressa a cultura e a dança tipicamente itabiranas, carregando histórias e reflexos, seja dos integrantes, do ambiente ou da própria região.

A palavra “tumbaitá” tem origens africana e indígena, significa “toque na pedra”. O neologismo foi criado para homenagear duas matrizes étnicas de grande influência na formação da cultura tradicional brasileira.

Em dezembro de 2021 o grupo completou 25 anos de existência

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.