Homem é preso suspeito de matar a ex após ela levar os três filhos para vê-lo no Natal

 741 Visualizações

A Justiça decretou em audiência na tarde de quinta-feira (30) a prisão de Norberto Gomes da Costa, 38, suspeito de esganar a ex-mulher e mãe dos três filhos dele, Daniela Rodrigues, no Natal – no último sábado (25) – em Ipatinga, no Vale do Aço.

Depois de matá-la, o suspeito abandonou o corpo às margens de um córrego na área rural do município. Daniela foi dada como desaparecida por três dias, e o corpo dela achado nessa quarta-feira (29).

Norberto foi detido logo em seguida por ocultação de cadáver e feminicídio, e a prisão preventiva decretada. 

Ataque

Informações preliminares dão conta de que Daniela morreu após ter sido esganada pelo ex-marido. O crime aconteceu no Natal, último sábado (25), quando ela foi até o sítio onde o ex-marido trabalhava como caseiro para levar os três filhos do casal para passar a data com o pai. Uma das crianças é um bebê de apenas sete meses. 

Segundo a Delegacia de Homicídios de Ipatinga, o suspeito teria tido uma crise de ciúmes após ler mensagens no celular da vítima. Ele, então, esganou Daniela e jogou o corpo dela em uma caminhonete para, em seguida, desová-lo em um córrego.

Imagens de câmeras de segurança mostram o carro do suspeito indo e retornando do local onde foi encontrado o corpo. Uma testemunha também o reconheceu. 

‘Matou minha irmã na frente das crianças’

O irmão de Daniela, Pedro Henrique, conversou com a Rádio Itatiaia e contou sobre os sonhos da irmã, que construía uma casa para morar com os três filhos.

“Ele é um covarde. Matou minha irmã na frente das crianças. Ser humano nenhum deveria ter coragem de fazer o que ele fez com minha irmã. A gente espera que ele pegue pena máxima. Ninguém merece perder a vida dessa forma, perder os sonhos. Ela tinha o sonho de terminar a casa dela, o sonho de dar o melhor para os filhos dela”. 

Fonte: Rádio Itatiaia

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.