Cruzeiro: Sérgio pede desculpa ao torcedor e promete ingressos a preços populares

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 312 Visualizações

O presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, fez um balanço sobre os resultados da temporada de 2021. Em vídeo divulgado no perfil oficial do clube neste sábado (4), o mandatário admitiu o insucesso ao permanecer, novamente, na Série B e pediu desculpas ao torcedor. 

“Primeiramente, é claro que entendemos que não atingimos nosso principal objetivo, que era o acesso à Série A. Já era em 2020, continuou em 2021 e será em 2022. O lugar do Cruzeiro é na primeira divisão, sempre foi, mas a gente ressalta os percalços que passamos”, afirma. 

Em recado aos torcedores, Sérgio desculpou-se por não ter conseguido o acesso. “Desculpa por não ter atingido o objetivo que queríamos. Se vocês estão tristes, não tenham dúvida que eu também estou. Todos nós sofremos. Nossa diretoria sofreu por não ter atingido esse objetivo, mas fica a certeza de que a gente trabalhou incansavelmente todos os dias para superar essas dificuldade”, prosseguiu. 

Sérgio enalteceu o apoio da torcida, que praticamente esgotou os ingressos disponíveis nas duas últimas partidas no Mineirão, mesmo sem chances matemáticas de acesso à divisão de elite do futebol. Ele promete manter ingressos a preços populares em 2022. 

“A força da torcida no estádio é muito mais desportiva do que financeira, neste momento. Isso é uma promessa também que eu faço. Queremos que pelo menos 20, 25, às vezes até 30 mil ingressos por jogo sejam a preço popular porque entendemos que o apoio da torcida é fundamental. Nosso departamento já está tocando como vai colocar isso”, afirmou. 

“Vimos como a torcida faz a diferença. Tivemos técnico de time adversário elogiando isso. No último jogo, contra o Náutico, com a torcida torcendo para a própria torcida. Aquilo foi maravilhoso. Não há um cruzeirense que não tenha se emocionado como eu me emocionei com a festa que a torcida fez”, prosseguiu. 

Futuro e SAF 

Para 2022, Sérgio voltou a citar a adesão à Sociedade Autônoma do Futebol (SAF) como “solução definitiva do Cruzeiro para a complicada situação financeira”. “A gente espera que esse investimento chegue rápido para passar o ano que vem mais tranquilo”, afirmou. 

Dentro de campo, Sérgio elogiou a permanência do técnico Vanderlei Luxemburgo. “Foi fundamental para já começar o planejamento. Aliás, já começamos desde novembro para um campeonato que já vai começar em 26 de janeiro”, completou.

Fonte: Rádio Itatiaia

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *