SAÚDE – Regional atinge a marca de 717 Mil doses de imunizantes distribuídos contra a Covid-19 na região

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 629 Visualizações

A Regional de Itabira recebeu hoje (16/11) a 66ª remessa de imunizantes contra a Covid-19, um total de 32.550 mil doses de Pfizer e 8 mil doses de Astrazeneca, para serem distribuídas aos 24 municípios de sua abrangência. Ao todo, nesta primeira quinzena de novembro, já foram recebidas e distribuídas cerca de 30.774 mil doses de imunizantes, relativas às 63ª, 64ª e 65º remessas.

De acordo com a Coordenação de Imunização a remessa recebida hoje pela Regional de Itabira é destinada para completar o esquema de vacinação (D2) para 16% de pessoas de 35 a 39 anos, referente à 48ª da pauta de distribuição, e 16,7% de pessoas de 35 a 39 anos, referente à 49ª da pauta de distribuição, além da dose de reforço para 2,5% de pessoas de 60 anos e mais e 8,9% de trabalhadores da saúde que tenham 6 meses após aplicação da D2.

De acordo com o Painel vacinômetro, a Regional de Itabira já distribuiu mais de 717.502 mil doses de imunizantes contra a Covid-19, chegando cada vez mais próximo da marca de 1 milhão de doses distribuídas nas microrregiões de Itabira, João Monlevade e Guanhães.
Já o estado de Minas, através da Secretaria de Estado de Saúde já repassou aos municípios 34.230.888 milhões de doses de imunizantes contra a covid-19. Segundo os dados disponíveis no Painel Vacinômetro, já são 16,2 milhões de vacinas referentes à primeira dose aplicadas em todo o estado e 12,3 milhões de doses da segunda aplicação.

Vacinação
Minas Gerais atingiu uma marca importante na campanha de vacinação contra a covid-19 na última sexta-feira (12/11). O estado ultrapassou a taxa de mais de 70% do público-alvo, ou seja, a população acima de 12 anos, completamente vacinada com as duas doses ou dose única. Além disso, 90% desse grupo tomou, ao menos, a primeira dose do imunizante.

Com o avanço da vacinação, o estado consegue retomar a economia com segurança sanitária e, também, reduzir o número de internações de casos graves da doença e, o principal, defender a vida dos mineiros. De acordo com dados do boletim epidemiológico desta terça-feira (16/11), nas últimas 24h foram registrados 196 novos casos da doença e uma morte foi confirmada.

Fonte: ACOM-FLAVIO SAMUEL/ GRS

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *