METABASE: Realiza assembleia na Vale

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 504 Visualizações

Trabalhadores votam proposta durante dois dias.
 
O Sindicato Metabase de Itabira e Região encerra hoje sua temporada de negociações dos acordos coletivos com as principais mineradoras do país. A partir das 5:30 horas, os 4.500 trabalhadores da empresa Vale irão decidir, em dois dias, valores de reajustes em seus salários, pisos, cartão alimentação dentre outros. André Viana, presidente da instituição, informou que a última proposta negociada oferece um reajuste nos salários de 8,8%, válido para todas as cláusulas econômicas, inclusive para o piso salarial. O cartão alimentação, benefício oferecido pela empresa, foi reajustado para R$860 e será pago um extra, “como se fosse um 13º”, disse André. Abono de R$2.000,00, manutenção do adicional de 65% para o pessoal que trabalha a noite e de outros benefícios estão na proposta negociada com a empresa.

Manutenção de benefícios
Com relação aos benefícios mantidos, André diz que “é uma luta travada desde que assumimos o METABASE ITABIRA em 2018. Ainda em 2017 a empresa já havia feito o corte nos procedimentos de ortodontia e implantodontia da Assistência Médica Supletiva (AMS), atingindo também os aposentados por invalidez. A empresa ofereceu R$1.200 “em troca” do plano. Um absurdo que queremos nunca mais repetir. A cada ano o METABASE ITABIRA insiste nesta manutenção, apesar de muitas vezes a empresa dizer que é um desejo dela manter esses benefícios. Sabemos que não é bem assim, afinal ela mostrou suas garras ao retirar o plano odontológico sem justificativa alguma, prejudicando milhares de trabalhadores”.

A assembleia será realizada em dois dias, hoje e amanhã, nas minas da empresa. O método é o mesmo: um diretor explica, em detalhes, toda a proposta e em seguida acontece a votação secreta, por cédula. O trabalhador assinala sim ou não e ao final são contados os votos Todos os trabalhadores irão votar, inclusive aqueles que estão licenciados, de férias ou em home office. Uma urna para estes funcionários está à disposição na sede do sindicato no bairro Pará.

 
Fonte: ACOM-METABASE 

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *