Ribeirão das Neves: dois detentos são transportados intubados e em estado grave para o João XXIII

Dois detentos foram transportados intubados e em estado grave pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros do presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. Nesta quinta-feira (4), presos colocaram fogo em colchões para reivindicar contra celas superlotadas, restrição de visitas e melhores condições de alimentação.

De acordo com o diretor de Comunicação do Sindicato dos Policiais Penais, Magno Soares, as vítimas foram queimadas ou intoxicadas. “O motim foi dentro da cela. Eles mesmos colocaram fogo no colchão, que era pra ser antichamas, mas pegou fogo”, explicou.

O local funcionava com o dobro da capacidade. Segundo Magno, a cela atenderia oito detentos, mas tinha 20.

Dentre os feridos não possuem policiais penais e também não foram feitos reféns durante a ação.

“Por mais que esteja muito lotado é um presídio que os policiais penais conseguem manter a ordem, não há tantos problemas grandes como o de hoje”, destacou o diretor.

Fonte: Itataia

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.