Agenda Cultural da Cemig destaca o ViJazz & Blues Festival em Itabira

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 222 Visualizações

O Energia da Cultura desta semana traz programação variada: a cantora Agnes Nunes lança música inédita no Inhotim em Cena; a Fundação Clóvis Salgado abre inscrições para os cursos de extensão do CEFART; Itabira recebe o VIJazz & Blues Festival; e ainda tem bate papo online sobre dança com o Corpo Cidadão.  

 Confira os eventos, que contam com patrocínio/apoio cultural da Cemig  https://www.facebook.com/events/2562881483891578

ViJazz & Blues Festival em Itabira

Um festival que prima pela inclusão cultural, um dos maiores e melhores do gênero no Brasil. Neste ano, devido à pandemia, será realizado em formato hibrido, com apresentações online e presenciais. O evento acontece amanhã (23/10), às 16h, no Parque de Exposições Virgílio José Gazire.

Fundação Clóvis Salgado: CEFART – Inscrição para Curso de Extensão 

Estão abertas as inscrições para o novo Edital de Cursos de Extensão do Cefart. No total serão realizados 13 cursos das Escolas de Artes Visuais, Dança, Música, Teatro e Tecnologia da Cena. Todos são gratuitos e na modalidade 100% virtual, utilizando a plataforma de ensino remoto exclusiva Cefart Virtual. 

Inhotim em Cena com Agnes Nunes 

O  Inhotim em Cena, projeto do Instituto Inhotim que propõe a intersecção entre a música com as artes visuais e a arquitetura, estreia uma apresentação da cantora e compositora Agnes Nunes, nome revelação da MPB.  

A cantora e compositora de 19 anos apresenta show inédito na Galeria da artista Rivane Neuenschwander, construção mais antiga do Instituto Inhotim. Agnes transita entre gêneros musicais como a MPB, o forró e o blues. Nascida em Feira de Santana, na Bahia, e criada em Campina Grande, na Paraíba, a artista diz que as raízes nordestinas moldaram não apenas sua carreira como também sua forma de ver o mundo. 

  Corpo Cidadão: GED Convida 

O Grupo Corpo Cidadão continua a série de entrevistas quinzenais com profissionais da área da dança. A ideia é apresentar para os bailarinos do Grupo Experimental de Dança (GED) e para o público as múltiplas possibilidades de atuação que a carreira na dança oferece. 

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *