FÉ – Corpus Christi em Itabira será realizado sem a tradicional confecção de tapetes e procissões

A Diocese de Itabira e Coronel Fabriciano recomendou que as celebrações de Corpus Christi sejam realizadas em todas as paróquias sem a tradicional confecção de tapetes e procissões. A medida é devido à pandemia do novo coronavírus e foi especificada em documento publicado pela Comissão Diocesana de Liturgia. 

Como a diocese completa 55 anos no fim de semana de Corpus Christi, a comissão determinou que as paróquias realizem um tríduo festivo no período. A comemoração começa nesta quinta-feira (11), dia de Corpus Christi, com celebrações também na sexta e sábado (13). No domingo (14) será a Festa da Diocese.

O documento recorda que ainda está em vigor na diocese o decreto do bispo dom Marco Aurélio Gubiotti suspendendo as atividades litúrgicas que implicam a aglomeração de fiéis nos templos católicos. Por este motivo, a comissão recomenda que todas as paróquias se organizem para divulgação da transmissão das missas de Corpus Christi, ao vivo, e outras programações da Festa da Diocese pelas redes sociais da internet. O documento enfatiza que fiéis e sacerdotes “evitem a confecção dos tapetes artísticos conforme tradição popular, caminhadas ou procissões a pé nas ruas, a fim de que, em hipótese alguma, haja aglomeração de pessoas”.

Porém, os católicos foram incentivados a ornamentarem suas casas com “flores, tecidos brancos, símbolos eucarísticos” e outros que remetam aos 55 anos da diocese. Já os sacerdotes poderão, após a celebração eucarística, conduzir o Santíssimo Sacramento em carro aberto numa procissão motorizada. Durante o trajeto, o padre poderá escolher momentos para que seja dada a bênção com o Santíssimo Sacramento. Caso não haja transmissão ao vivo de cada parada, pela internet, os padres foram orientados a conceder a benção na igreja, durante a transmissão das missas.

A fim de evitar aglomerações durante o traslado do Santíssimo Sacramento, a diocese recomendou que os cantos eucarísticos sejam gravados, “evitando assim a presença de equipe de canto em carros que possam aglomerar pessoas”. 

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.