ESTABILIDADE – Estudos apontam necessidade de obras na estrutura da barragem Santana em Itabira

 411 Visualizações

Barragem Santana em Itabira

O resultado da avaliação técnica realizada na barragem foi informada ao Via Comercial por meio de nota divulgada na noite de ontem (01), pelo sindicato Metabase Itabira. Segundo o sindicato o resultado dos estudos foi informado pela mineradora Vale, responsável pela barragem, localizada na divisa dos municípios de Itabira e Santa Maria de Itabira.

André Viana, presidente do Metabase disse que a empresa “fez estudos que realmente indicaram a necessidade de realizar obras na estrutura da barragem, em concordância com projetistas, auditores e consultores”. Em outubro do ano passado (2019), a Defesa Civil de Minas Gerais confirmou a elevação do nível de emergência (Nível 1) em duas barragens da mineradora em operação em Itabira, entre elas da barragem de Santana, da Mina Cauê.  A segunda barragem é a do Itabiruçu, da Mina Conceição. 

O presidente do sindicato em Itabira revelou preocupação com a negativa da Declaração de Condição de Estabilidade (DCE), mesmo que não há até o momento nenhuma ação a ser feita pelos órgãos de defesa civil e nem a necessidade de evacuação da população. “Essas estruturas mantém a população apreensiva, com os nervos à flor da pele: Afinal, além de não receberem as Declarações de Estabilidade, estão em permanente nível 1 do Plano de Ação e Emergência de Barragem de Mineração”, declarou.

As barragens são monitoradas por câmeras de vigilância, sinais sonoros e placas de rotas de fuga e emergência, mas a Vale ainda não se declarou oficialmente sobre a nota publicada pelo sindicato.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.