Economia, Geral

Feirão da Serasa permite desconto de até 90% e chance de voltar às compras

Nas comemorações do Dia do Consumidor – que o varejo já considera uma nova “Black Friday” para desovar estoques –, clientes que estão atolados em dívidas e pretendem retornar às compras têm a chance de renegociar os débitos com até 90% de desconto em mutirões realizados por várias instituições até mesmo no ambiente digital. Neste ano, ainda podem ganhar um extra, com a oferta de prêmios de até R$ 2 mil para quem acessar uma das plataformas on-line. 

A instituição acaba de iniciar o Feirão Online, que vai até o fim do mês e oferece uma oportunidade de negociação gratuita dos débitos. Consumidores com dívidas atrasadas ou negativados terão a oportunidade de limpar o nome pelo computador, tablet ou celular, com condições especiais. Cerca de 20 empresas, entre bancos, varejo, telefonia e instituições de ensino, participam da ação.

Na última edição do Feirão Online, realizada em novembro de 2018, mais de 7 milhões de pessoas visitaram o site da Serasa, 1 milhão de acordos foram fechados e cerca de R$ 460 milhões foram concedidos de descontos.

Segundo Lucas Lopes, gerente do Serasa Limpa Nome, essa é a oportunidade de as pessoas negociarem dívidas com condições melhores e mais segurança. “Durante quase todo o mês de março os parceiros integrados em nossa plataforma vão oferecer condições especiais e os consumidores terão o suporte da Serasa para negociar”, afirma.

Uma das inovações deste ano é a promoção Boleto Premiado, que terá 50 prêmios no valor de até R$ 2 mil, disponíveis para quem acessar a plataforma durante todo o período do feirão.

Consumidor deve avaliar se prestação cabe no orçamento

O gerente da Serasa Consumidor, Daniel Ebbesen, afirma que alguns cuidados são necessários para fechar um bom negócio. Segundo ele, o primeiro passo a ser tomado pelo consumidor é entender a própria realidade financeira, fazer as contas e identificar que parcelas poderia, de fato, assumir mensalmente. 

“Não adianta negociar e assumir o parcelamento de uma nova dívida se essas parcelas também não couberem no orçamento do mês. É preciso ficar atento para não acabar se enrolando de novo”, diz. 

Outro alerta do especialista é sobre as temidas fraudes. “O consumidor deve desconfiar de e-mails e links que não são de empresas conhecidas. A Serasa manda e-mails somente em nome da Serasa”, diz ele. 

Para prevenir fraudes, a orientação é a de sempre: olhar a URL dos sites, observar atentamente os endereços de e-mail e ter em mente que a negociação on-line só acontece dentro do portal, sem nenhum custo. “A Serasa não pede nenhum pagamento e não enviará boletos para os consumidores. Se isso acontecer, é preciso desconfiar”, afirma. 

ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificação

Send this to a friend