Esportes, Futebol

CAMPEONATO MINEIRO – Cruzeiro fica à frente do placar duas vezes, mas só empata com Boa Esporte em Varginha

* Informações do SuperEsporte
Robinho marcou o primeiro gol do Cruzeiro no empate por 2 a 2 com o Boa Esporte, em Varginha

O Cruzeiro até esteve à frente do placar em duas oportunidades, mas não conseguiu sair do Dilzon Melo, em Varginha, com a vitória. Depois de marcar com Robinho na primeira etapa, o time celeste viu Gustavo Henrique empatar. Já no segundo tempo, Fred fez o segundo gol da Raposa, mas Gabriel Vieira igualou o marcador. O jogo, válido pela quarta rodada do Campeonato Mineiro, acabou empatado em 2 a 2. 

Com o resultado, o Cruzeiro fica estacionado na vice-liderança do Estadual, com oito pontos, mas vê o arquirival Atlético encostar na terceira colocação, com sete. O América é o líder isolado do torneio, já que tem 10 pontos.   
 
Na próxima rodada, o Cruzeiro visita o Villa Nova, lanterna do Campeonato Mineiro. A partida está marcada para domingo, às 17h, no Estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima. O Boa Esporte, por sua vez, tem compromisso contra a URT na quarta-feira da próxima semana, às 19h, no Zama Maciel, em Patos de Minas.
 
O jogo
 
Com formação titular, o Cruzeiro controlou as ações ofensivas na primeira parte do duelo contra o Boa Esporte. Estreante da noite, o meio-campista Marquinhos Gabriel teve bom desempenho e protagonizou as melhores tramas da equipe celeste. Aos 13′, ele jogou a bola entre as pernas de Chiquinho, fintou mais um marcador e cruzou da linha de fundo. A defesa cortou e, no rebote, Henrique finalizou para fora.
 
Aos 26′, mais uma vez mostrando explosão e velocidade, Marquinhos Gabriel deu outro drible bonito no marcador e cruzou da entrada da área para Thiago Neves. Antes de a bola chegar ao camisa 10, porém, a zaga do Boa Esporte cortou o perigo. A superioridade técnica do Cruzeiro deu resultado aos 28′. Robinho cobrou falta com categoria, da entrada da área, e abriu o placar do Dilzon Melo, em Varginha. 1 a 0. Aos 46′, de cabeça, Thiago Neves ainda quase ampliou dentro da área depois de assistência perfeita de Egídio.
 
O início do segundo tempo também apontava para o controle do Cruzeiro. Segurando a posse de bola e dominando as ações, o time de Mano Menezes, porém, acabou surpreendido. Aos 9′, Gindre avançou pelo lado direito e cruzou da entrada da área. A bola resvalou em Murilo antes de sobrar, limpa, para Gustavo Henrique. 1 a 1. Três minutos depois, o Boa voltou a assustar. Gabriel aproveitou rebote da zaga, mas finalizou por cima do gol.
 
Apesar dos sustos, não demorou para o Cruzeiro provar a superioridade técnica. Aos 17′, Marquinhos Gabriel tocou para Lucas Silva, que fez excelente cruzamento para Thiago Neves. Dentro da área, o camisa 10 deu passe de cabeça na medida para Fred, que dominou no peito e não desperdiçou. 2 a 1. O Boa, contudo, voltou a aproveitar uma das raras chances na partida. Aos 30′, Denis passou da forma como quis de Edilson na linha de fundo e serviu Gabriel Vieira na entrada da área. O volante acertou bonita finalização. 2 a 2
 
Para piorar a situação do Cruzeiro, que buscava a vitória em Varginha, o zagueiro Murilo recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo árbitro Ronei Cândido Alves aos 33′. Mano Menezes, então, substituiu Thiago Neves pelo zagueiro Fabrício Bruno e diminuiu o ímpeto ofensivo do time celeste, que não conseguiu mais assustar o goleiro Renan Rocha. Com o empate, a Raposa segue estacionada na vice-liderança do Estadual. 
ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificação

Send this to a friend