Metrô de Belo Horizonte não funciona nesta quinta-feira, mesmo após liminar do TRT

O metrô de Belo Horizonte não funciona neste feriado de Corpus Christi. Os metroviários decidiram manter a greve mesmo depois de a CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos) ter emitido uma liminar do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), determinando o funcionamento de, no mínimo, 80% dos trens, nos horários das 5h30 às 10h e das 16h às 20h, de segunda a sexta-feira. Nos demais horários, sábado e domingo, a escala deveria ser mantida em pelo menos 60% de operação.

OUÇA A REPORTAGEM COM PRISCILA MENDES

A liminar impõe ainda multa de R$ 300 mil por dia, a ser paga pelo Sindicato dos Metroviários (Sindimetro-MG). A categoria alega que ainda não foi notificada.

O TRT determinou ainda que tanto a BHTrans, a SETOP responsável pelo transporte metropolitano e intermunicipal, e a TRANSCON, em Contagem, fossem notificadas sobre a escala, para que seja feita adequação das linhas de ônibus durante o horário em que não haverá trens. 

Nesta sexta-feira (1) e no sábado (2) a categoria se reúne novamente, e o transporte de passageiros no metrô será realizado no horário de pico, das 5h30 às 9h30, como nos outros dias de paralisação.  

O movimento dos metroviários é pelo reajuste salarial, além da manutenção de cláusulas do acordo coletivo.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.