LIÈGE – Atirador mata 3 e é morto na Bélgica; polícia investiga terrorismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 97 Visualizações

Policial redireciona o trânsito após tiroteio em Liége, na Bélgica, nesta terça-feira (29) (Foto: John Thys / AFP)

Um homem armado matou três pessoas e deixou duas pessoas feridas no centro da cidade de Liège, no leste da Bélgica, na manhã desta terça-feira (29). O suspeito foi morto após fazer uma mulher como refém, informou a emissora pública RTBF.

De acordo com jornal “Le Soir”, por volta de 10h30 (horário local), um homem foi abordado por policiais na frente de uma escola, no Boulevard d’Avroy, aparentemente para um controle de rotina. Ele conseguiu desarmar um dos policiais e abriu fogo. Os dois policiais e uma pessoa que passava pela rua morreram.

 
Em seguida, o homem pegou uma mulher refém e ficou na entrada da escola Athénée Léonie de Waha. Ele foi morto pelas forças de segurança. Dois policiais ficaram feridos na ação, mas a mulher saiu ilesa. Os alunos foram mantidos em segurança, mas o bairro continua completamente cercado pela polícia.

Suspeita de terrorismo

A imprensa local relata que o sequestrador teria gritado “Allahu Akbar” (Alá é grande) durante a ação. A Procuradoria Federal belga, responsável por casos de terrorismo, assumiu o comando da investigação, “pois existem elementos que vão na direção de um atentado terrorista”, afirmou o porta-voz do entidade, Eric Van Der Sypt, segundo a France Presse.

Vídeos divulgados nas redes sociais mostram as pessoas correndo pela avenida central, o deslocamento da polícia e a aproximação das ambulâncias.

Liège é uma cidade industrial próxima à fronteira alemã, na região da Valônia. Em 2011, a cidade também foi palco de um tiroteio que terminou com quatro mortos e mais de 100 feridos. Nesta ocasião, o atirador se matou em seguida, segundo a Reuters.

Victor ⌬@VICTORJ_FR
 

Les ambulances sont parties, la situation revient au calme. Grosse pensée pour les deux policiers tués aujourd’hui à Liège… Pas les mots

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *