sábado, 31 outubro, 2020

Macarrão deixa penitenciária em Pará de Minas e cumprirá restante da pena em regime aberto

2
Visualizações

O condenado passa a cumprir a partir de agora pena em regime aberto

O condenado passa a cumprir a partir de agora pena em regime aberto

O braço-direito do ex-goleiro Bruno Fernandes, Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, condenado pelo desaparecimento e assassinato de Eliza Samudio, foi solto no fim da noite desta sexta-feira (2), do Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo, em Pará de Minas, na Central de Minas, onde estava preso desde 2016. 

O condenado passa a cumprir a partir de agora pena em regime aberto. A progressão do regime da pena foi concedida pelo juiz Antônio Fortes de Pádua Neto e o alvará expedido nessa quinta-feira (1º). Porém, ele teve sua soltura adiada para esta sexta após um mandado de prisão expedido pela Justiça do Rio de Janeiro, que foi cumprido, não ter sido baixado no sistema.

Apesar da progressão de pena ter sido para o semiaberto, como Pará de Minas não tem albergue para abrigar o sentenciado, o juiz determinou que Macarrão cumpra o resto da pena em regime aberto. 

Macarrão deixou a penitenciária por volta das 22h30 desta sexta em cumprimento a uma decisão da Justiça, que expediu na tarde desta sexta um novo alvará de soltura após o problema de comunicação.

Luiz Henrique Ferreira Romão foi condenado a 15 anos prisão por homicídio, sequestro e cárcere privado de Eliza Samudio e foi inocentado da acusação de ocultação de cadáver.

Postagens Relacionadas

Próxima postagem
Inscreva-se
Notificação
guest
0 Comments
Inline Feedbacks
View all comments

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.