Minas Gerais, Polícia

Polícia Militar prende suspeitos de tráfico de drogas em João Monlevade

Oito pessoas, cinco homens e três mulheres, suspeitos de tráfico de drogas e assalto, foram detidos pela Polícia Militar.

João Monlevade/MG – A Polícia Militar de João Monlevade prendeu oito pessoas – cinco homens e três mulheres – suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas e em um assalto ocorrido na madrugada de sábado em uma boate no bairro Loanda. Eles são suspeitos ainda de praticarem diversos outros crimes na cidade. Com eles a polícia apreendeu uma arma de fogo calibre 380 com um carregador, 13 cartuchos calibre 380, 29 pinos de cocaína, cerca de 2 mil pinos vazios que seriam utilizados para acondicionar drogas, duas balanças de precisão, uma porção de cocaína bruta, ácido bórico, uma porção de maconha, sete celulares, um punhal, diversas embalagens para dolagem de maconha, uma câmera digital, um caderno de anotações referente ao tráfico de entorpecentes e a quantia de R$649,50. A ocorrência foi registrada no bairro Laranjeiras no final da tarde de sábado (10).

 

Segundo a Polícia Militar, durante rastreamento na tentativa de localizar os autores de um roubo na “Boate Casa Verde”, ocorrido durante a madrugada, dois dos envolvidos no crime teriam tentado realizar uma falsa denúncia alegando que o veículo VW/Gol que estava alugado em nome dos mesmos havia sido furtado no momento que passavam próximo da boate por um homem que, de posse de uma arma de fogo, havia os ameaçado para que dirigisse o carro numa rota de fuga até a cidade de Rio Piracicaba onde haviam sido liberados juntamente com o veículo. Diante de diversas contradições da dupla e de outras evidências constatadas, os militares deram voz de prisão aos suspeitos.

Nas proximidades da residência, onde foram encontradas as drogas, policiais militares prenderam o terceiro autor que conduzia um veículo Fiat/Prisma que seria utilizado para fuga e monitorava a viatura policial, passando informações em tempo real para outros criminosos que estavam escondidos numa residência alugada. A casa foi localizada e montado um cerco policial na residência onde os demais autores estavam. Quatro viaturas e 11 policiais participaram da operação para prender o restante da quadrilha, que estava armada. Os policiais entraram na casa, surpreendendo os criminosos que não reagiram e foram presos em flagrante.

Durante buscas na residência, que também era usada como ponto de venda de drogas, os militares localizaram mais entorpecentes, armas, munições, dinheiro, entre outros objetos usados para o comércio ilícito de drogas.

Ainda segundo a polícia dois dos envolvidos são suspeitos de assassinar um menor infrator no início do ano próximo a um motel que fica às margens da BR-381 no bairro ABM, em João Monlevade. Eles eram procurados pela Polícia Militar durante uma operação conjunta com a Polícia Civil ocorrida na quinta-feira (8).

Todos os detidos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil, juntamente com os materiais apreendidos.

Bell Silva/O Popular

ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

  1. No momento em que a viatura se aproximou da casa,  policiais flagraram novamente  “cowboy” na iminência de entregar algo para um provável usuário(aparentando entorpecente), sendo a entrega frustrada pela presença da equipe policial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *