LEGISLATIVO – Palestra para servidores da Câmara de Itabira discute a ética na rede social

 145 Visualizações

O jornalista, roteirista e mestre em comunicação Valderlei TimóteoO cuidado com o que se compartilha, se curte e se comenta nas redes sociais, tanto no âmbito pessoal quanto profissional, foi tema de uma palestra promovida pela Escola do Legislativo Professor Paulo Neves para os servidores da Câmara Municipal de Itabira. “Ética em Rede” foi proferida nessa quarta-feira, 20 de dezembro, pelo jornalista, mestre em comunicação, roteirista e diretor de documentários, Vanderlei Timóteo.

Antes de falar das mídias em si, o palestrante fez referência aos clássicos da Filosofia, como Aristóteles, Kant, Descartes e Nietzsche. Uma abordagem objetiva e reflexiva, com metáforas e exemplos correlacionados a acontecimentos da atualidade.

Sobre os riscos da rede, Vanderlei exibiu algumas imagens de acidentes, exposição de intimidade e outros casos do tipo comumente compartilhados sem a devida cautela por parte dos internautas. “E se fosse seu parente?”, questionou o palestrante. 

“Liga da Justiça dos covardes”

Em outro exemplo, o jornalista citou as notícias falsas (chamadas fake news), as condenações públicas sem provas (indivíduos linchados em público por crimes que não cometeram) e os ataques à honra e à dignidade feitos por pessoas que se escondem no anonimato, algo muito comum no ambiente político. “As redes sociais se transformaram na ‘Liga da Justiça dos covardes’”, metaforizou.

O mestre em comunicação alertou ainda para o risco da exposição desenfreada. Segundo ele, em países como Estados Unidos, dependendo do que se busca ou se compartilha, é possível ser enquadrado em padrões de monitoramento de suspeitos. “Precisamos de menos ‘touch scren’ e mais ‘touch skin’”, afirmou o palestrante. Menos tela, mais pele.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.