Na última reunião do ano, Câmara de Itabira aprova projetos e comemora resultados de 2017

 321 Visualizações

Ao longo de 2017, a Câmara Municipal de Itabira aprovou 82 Projetos de Resolução, 89 Projetos de Lei e mais de 1100 indicações, além dos requerimentos e da realização de várias audiências públicas. Os números foram alcançados na última reunião do ano, realizada nesta terça-feira, 19 de dezembro. Entre outros projetos, os vereadores aprovaram em segundo turno a redução dos salários de 22 cargos comissionados do Legislativo, o que vai gerar uma economia de mais de R$ 700 mil por ano.

Durante a sessão, três oradores usaram a tribuna. O primeiro a se pronunciar foi o vereador Reginaldo das Mercês Santos (PTB), absolvido em segunda instância da cassação do mandato. Reginaldo agradeceu às pessoas que o apoiaram durante o processo e citou o vereador Allain Gomes (PDT), que havia dado-lhe um Terço religioso como símbolo de apreço. Vários colegas fizeram comentários elogiosos e deram parabéns a Reginaldo pela vitória.

Militar apresentou números que comprovam a redução da criminalidade em Itabira nos últimos meses – Foto: Felipe Jácome

Usou a tribuna também o subcomandante do 26º Batalhão de Polícia Militar, major Rogério Fernandes, para apresentar um balanço dos índices de criminalidade em Itabira. Conforme o militar, houve redução no número de crimes no município em 2017 na comparação com 2016, ao passo que aumentaram as prisões de criminosos e apreensões de armas e drogas. Major Rogério aproveitou para agradecer à Câmara pela destinação, junto à Prefeitura, de R$ 245 mil à instituição para compra de viaturas. O repasse aconteceu em meados deste ano.

O vereador André Viana Madeira (Podemos) também usou a tribuna e falou sobre a Unifei. Ele lamentou os últimos desentendimentos internos, envolvendo a Diretoria do campus em Itabira e a Reitoria, que culminaram na renúncia do atual diretor e sua equipe. André Viana propôs a criação de uma comissão especial para cobrar, em Brasília, a efetivação do curso de Medicina para Itabira – projeto discutido desde o governo passado.

Captação de mais de R$ 2 milhões

Em entrevista à imprensa, o presidente Neidson Dias Freitas (PP) classificou como positivo o resultado dos trabalhos da Câmara este ano. Entre várias ações, como audiências públicas e votações de projetos, ele citou os recursos conquistados pelos parlamentares em Brasília e no Governo do Estado, que somam cerca de R$ 2 milhões. “2017 foi, historicamente, o ano em que os vereadores mais conseguiram captar recursos fora. Mais de R$ 2 milhões entraram nos cofres públicos através de relacionamentos e contatos com deputados federais e estaduais”, afirmou.

O presidente destacou também a aprovação de projetos de grande relevância social, como o leilão de lotes públicos que viabilizará a construção de 400 apartamentos populares, e a captação de recursos para a construção da avenida Machado de Assis. “Tenho certeza de que esta Câmara é muito mais atuante do que outras que já passaram por aqui”, destacou.

 

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.