INAUGURADA – Decoração de Natal na Praça da Liberdade reflete atrativos de Belo Horizonte

 305 Visualizações

Foto: Túlio Santos/EM/DA Press

A decoração natalina da Praça da Liberdade, inaugurada na noite desta quinta-feira, tem como tema a capital mineira, representada em peças que destacam elementos arquitetônicos e a paisagem natural da cidade, posicionadas estrategicamente entre as 350 mil microlâmpadas de LED – 75% mais econômicas que as convencionais – e mais de 1,5 mil metros de mangueiras iluminadas. Pela primeira vez, a proposta conceitual para a tradicional iluminação, realizada pela Cemig desde a década de 1990, foi definida em concurso público.

De 25 projetos apresentados, o vencedor foi o da jovem arquiteta Maria Carolina de Assis Quadros, de 23 anos, que mora em Divinópolis, Centro-Oeste, e se formou no ano passado na Universidade de Itaúna. 

“A proposta é homenagear Belo Horizonte, com ícones que representam a cidade, em diferentes camadas. BH é muito atrativa e a ideia foi por meio de diferentes elementos expressar essa característica, em suas diferentes épocas, como no túnel de luzes”, explicou a arquiteta.

O túnel citado por Maria Carolina chamou a atenção do público. O espaço, com painéis retratando pontos marcantes da capital, atraiu visitantes ávidos por fazer selfies, como as amigas Natália Ramos e Ana Paula Souza, as duas de 21 anos. 

“É a primeira vez que venho à praça com decoração. Muito lindo, maravilhoso esse túnel destacando BH”, disse Natália. “Esse é meu quarto Natal aqui e vim das vezes anteriores à praça. Este ano está mais sóbrio, sem tantos elementos e cores. Gostei muito dessa proposta”, assinalou Ana Paula. 

Luzes brancas e douradas realçam alameda

Gustavo, de 7 meses, compareceu com os pais, Cláudia Tofani, de 31, e André Bernardes, de 32, à sua primeira decoração natalina na praça. O casal, que é vizinho de um dos mais belos locais turísticos da capital, já coleciona imagens das iluminações anteriores. O pequeno Gustavo, porém, era só sorriso e olhar atento às luzes da Alameda Travessia, realçando as palmeiras, e os cubos com ilustrações destacando ícones de BH.

De acordo com a gerente de Comunicação Interna, Nathália Dornellas, o projeto “Natal de Minas Gerais” é um presente à população e à capital. No concurso para o projeto conceitual de decoração foram levados em consideração a criatividade, o diálogo com o tema proposto, a valorização do patrimônio histórico, a viabilidade, a sustentabilidade e os elementos plásticos estéticos contidos na ideia. 

A arquiteta Maria Carolina  usou predominantemente as cores branco frio, branco morno, vermelho e verde e disse que a intenção foi criar adornos diferenciados, que chamassem a atenção dos visitantes e evitassem o já tradicional. “Tais adornos foram dispostos em diferentes pontos da praça para não concentrar os atrativos em apenas um local”, afirmou Maria Carolina. Entre esses elementos, há duas árvores de Natal.

O projeto de Natal conta com o apoio do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG). O Circuito Cultural Liberdade, gerido pelo instituto, oferece uma programação especial gratuita para a população durante todo o período natalino. O público poderá ver exposições, shows, mostra de vídeos e participar de oficinas. A programação completa está no site http://circuitoculturalliberdade.com.br/plus/.

Importante motoristas ficarem atentos, já que até 6 de janeiro, último dia da decoração, o trânsito no entorno da praça sofrerá alterações, no período da noite. Das 19h à meia-noite, a Alameda da Educação, entre Rua Gonçalves Dias e Avenida Brasil, será interditada. E das 20h à meia-noite, será fechada a Alameda da Segurança, entre Avenida Brasil e Rua Gonçalves Dias. Para garantir a segurança e a mobilidade de todos que vão visitar a iluminação ou mesmo de passagem pela área, será também restringido o estacionamento em algumas vias do entorno da praça.

Decorações em vários pontos da cidade

Conheça a lista os pontos da capital que também recebem decoração natalina da Cemig:

 
*Praça do Cardoso, na Comunidade da Serra
*Praça Dona Valdete, no Alto Vera Cruz
*Paróquia Nossa Senhora do Morro, na Barragem Santa Lúcia
*Praça Cristo Redentor, no Barreiro
*Praça Amintas de Barros, em Venda Nova
*Igreja da Pampulha
*Complexo Itamar Franco, no Barro Preto
*Tribunal de Justiça de Minas Gerais
*Tribunal Regional do Trabalho
*Ministério Público de Minas Gerais
*Avenida Afonso Pena, entre a Rua da Bahia e a Avenida Álvares Cabral
*Avenida Barbacena
 
* (as informações são do jornal Estado de Minas)

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.