NEGOCIAÇÃO – Marcelo Moreno é o atacante preferido do Cruzeiro em 2018

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 197 Visualizações

Marcelo Moreno está atuando na China, mas estaria disposto a reduzir o salário para voltar ao Brasil e defender o Cruzeiro

“Um homem que resolva a dificuldade do Cruzeiro em marcar gols”. Essa frase dita por um membro da diretoria do Cruzeiro explica qual será o principal alvo da nova diretoria celeste no mercado de transferências pensando em 2018. E o homem-gol já tem nome: trata-se de Marcelo Moreno, antigo sonho do torcedor da Raposa e que já passou pelo clube em duas oportunidades.

Assim que a nova diretoria foi até Mano Menezes e ouviu a necessidade da contratação de um atacante, o nome de Moreno surgiu à mente. Não apenas dos dirigentes, mas também grande parte da torcida azul. As conversas ainda são iniciais, mas o planejamento para a contratação do que seria a grande estrela para 2018 já está feito. De acordo com informações o jogador de 30 anos é o número 1 da lista e o sonho de consumo de Itair Machado, vice-presidente de futebol eleito.

Para conseguir contar com Marcelo Moreno na nova temporada, a direção azul já traça uma engenharia. A primeira, oferecer um salário de estrela para o centroavante. Para ter seu artilheiro, o Cruzeiro está disposto a pagar vencimento igual ao do goleiro Fábio, maior salário do atual elenco, superando a casa dos R$ 600 mil mensais.

O valor é considerado satisfatório internamente no clube, mas muito abaixo do que Marcelo Moreno ganha atualmente na China. O Wuhan Zall, time da Segunda Divisão do futebol chinês, tem no boliviano seu nome de maior peso. Por isso, o atleta ganha um salário que gira na casa dos R$ 2 milhões mensais. Mas Moreno está disposto a diminuir esse valor para retornar ao Brasil e, principalmente, ao Cruzeiro.

O primeiro contato entre Marcelo Moreno e a nova direção celeste aconteceu durante a final da Copa do Brasil, em que o Cruzeiro conquistou o pentacampeonato. Na ocasião, Marcelo Moreno viajou com sua esposa para Belo Horizonte e assistiu ao duelo contra o Flamengo, no Mineirão. Ali, ele já ouviu de Itair Machado e do presidente eleito Wagner Pires de Sá que o desejo deles é contar com o boliviano em 2018.

Inicialmente, a diretoria sonha em conseguir uma liberação junto ao time chinês, sem que envolva grande valor a ser pago. Mas, para ajudar a dar peso na negociação, que já vem acontecendo, ainda que inicialmente, com os representantes de Marcelo Moreno, a nova diretoria busca parceiros antigos para ajudar na disponibilidade financeira.

Caso acerte seu retorno ao Cruzeiro, Marcelo Moreno iniciará, em 2018, sua terceira passagem pela Toca da Raposa II. Primeiro, ele atuou na Raposa de 2008 a 2009. Depois, esteve com maior brilho na campanha do título do Campeonato Brasileiro de 2014, quando marcou 24 gols naquela temporada. No começo de 2017, o presidente Gilvan de Pinho Tavares chegou a negociar com o centroavante, mas, após um desacerto financeiro e muita demora nas conversas, a negociação não se concretizou.

36 gols

marcou o Cruzeiro no Brasileiro, situação que desagrada a Mano

7° pior ataque

ao lado do Sport, Chape e Atlético tem o time no Nacional

45 gols

no Cruzeiro fizeram de Moreno o maior artilheiro estrangeiro do time 

(Do SuperFc)

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *