Mineiro de Motocross ampliará estrutura para temporada 2017

A estrutura do Campeonato Mineiro de Motocross irá crescer em 2017. Nesta temporada, a competição contará com vários profissionais de referência e as áreas do evento serão reconfiguradas. O objetivo é oferecer o melhor serviço e receber pilotos, público e equipe de trabalho com o máximo de conforto.
Segundo Cássio Marques, presidente do Moto Clube Cassios Racing e organizador do campeonato, ele pretende manter os mesmos recursos que a Copa Minas Gerais de Motocross tinha dentro da pista. “Hoje, tenho menos verba à disposição do que tive nos últimos anos com a Copa. Mas vou investir pesado em todos os pontos que acredito serem essenciais para todos os participantes”.
Equipe
Uma das preocupações de Cássio é com os profissionais que vão trabalhar no evento. Para oferecer um serviço de qualidade, ele manterá as mesmas pessoas que atuaram nas edições anteriores da Copa Minas. “Na época em que comecei, eles foram escolhidos a dedo. Todos que participaram das etapas já haviam trabalhado em competições de nível nacional e internacional”.
Para as cinco etapas de 2017 serão contradas equipes de pista, bandeirinhas, cronometragem, comunicação, locução, segurança e médica. Todas estarão integradas através de aparelhos de radiocomunicação.
Estrutura
O Campeonato Mineiro terá diversos recursos à disposição. Uma UTI completa ficará dentro da pista para garantir atendimento médico com rapidez e qualidade a todos os participantes do evento.
A cronometragem será feita de forma eletrônica, aparelhos de som serão instalados nos boxes para passar informações para pilotos, mecânicos e chefes de equipe. Além disso, o parque fechado e secretaria de prova serão planejados para receber a todos com o máximo de conforto.
Um novo sistema online de inscrição também está sendo desenvolvido para que os pilotos possam fazer seu cadastro nas etapas de forma mais fácil. Outro benefício será a realização de um seguro de vida para os pilotos e profissionais que trabalharão na organização do campeonato.
Pista
Sobre as pistas, Cássio Marques revelou que não seguirá a mesma linha da Copa Minas Gerais de Motocross. Os circuitos terão um nível técnico um pouco menor para poder atender a todos os pilotos. Porém, ele irá aumentar gradativamente a dificuldade da pista com o passar das temporadas.
“Como faremos uma competição com pilotos profissionais e amadores, com diversos níveis e idades, resolvi desenhar uma pista mais neutra. No entanto, não vamos deixar que o espetáculo se perca. Vamos elaborar os circuitos pensando também no público”, explica.

Leia Também!

Nome de Bruno aparece no BID e pode estrear pelo Boa Esporte

O goleiro Bruno está regularizado e pode estrear pelo Boa Esporte. Seu registro foi publicado …