Emprego, Itabira

SEM INSALUBRIDADE – Servidores do SAAE Itabira ameaçam paralisação

Servidores do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), em Itabira decidem nesta terça-feira (14), se iniciam uma paralisação, depois que a autarquia anunciou o corte de insalubridade de parte dos operadores de estações de tratamento, laboratório, e manutenção. Uma reunião com o Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos Municipais de Itabira (Sintsepmi), está agendada para decidir a situação. 

De acordo com o Sintsepmi os servidores paralisaram as atividades na semana passada e só retornaram aos postos de trabalho para cumprir a legislação de greve. Ainda segundo o sindicato da categoria o benefício seria mantido apenas para os operadores da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), localizada na região do Laboreaux. 

De acordo com o SAAE e a Prefeitura, houve mudanças na classificação dos servidores. Uma perícia contratada pelos órgãos determinou o corte dos benefícios. Ainda segundo o SAAE e a Prefeitura, a perícia apontou que a maioria dos trabalhadores não teriam mais direito a receber insalubridade. 

O sindicato notificou a Prefeitura e aguarda uma decisão do município a respeito do impasse que pode terminar em greve. De acordo com o Sintsepmi uma assembleia deve ser convocada para que os servidores decidam as próximas ações. 

A reunião de hoje (14), está marcada para às 18h, na sede do sindicato da categoria. 

ARTIGO ANTERIORARTIGO SEGUINTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *